Há sempre alguma loucura no amor. Mas há sempre um pouco de razão na loucura. Friedrich Nietzsche
O sonho encheu a noite/Extravasou pro meu dia/Encheu minha vida/E é dele que eu vou viver/Porque sonho não morre. Adélia Prado

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Descrever-se ou transformar-se... Qual é o seu papel?

Quanto do que somos é real e quanto é simplesmente a "incorporação" do papel que criamos para nós ao nos definirmos, e pior, ao aceitar a personagem que os outros nos atribuem?

Já parou para analisar quantas atitudes você tem porque já definiu seu papel no mundo? Já se caracterizou como a personalidade forte, e, portanto não pode fraquejar; ou como a vítima, com a qual o grito de "Basta" não m combina?

Experimente fazer o exercício de se "repensar", de "desvestir" o "personagem" que criou ou que deixou de que criassem para você. Analise suas atitudes como novidades, encare cada situação como se nunca a tivesse vivido e não se importando com as opiniões alheias.

Talvez você se descubra alguém totalmente diferente do que tem sido até então... :)

Fernando Pessoa já andou falando nisso em Tabacaria (Álvaro de Campos)
"O dominó que vesti era errado.
Conheceram-me logo por quem não era e não desmenti, e perdi-me."

Clarice Lispector também passou por esse assuto...
"É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo."

O mais hirônico é que sempre se estará criando, pensando, um novo papel para representar... Por onde andará o verdadeiro Eu ? Será que é pessível encontrá-lo, vivê-lo?

Será mesmo a vida uma comédia escrita por um louco e sem sentido algum?

Responda você, se for capaz... :)

Pode comentar... Eu deixo.

Related Posts with Thumbnails
"Quiseste expor teu coração a nu. E assim, ouvi-lhe todo o amor alheio. Ah, pobre amigo, nunca saibas tu Como é ridículo o amor... alheio!" Mário Quintana

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO