Há sempre alguma loucura no amor. Mas há sempre um pouco de razão na loucura. Friedrich Nietzsche
O sonho encheu a noite/Extravasou pro meu dia/Encheu minha vida/E é dele que eu vou viver/Porque sonho não morre. Adélia Prado

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Só isso.

Para que complicar? Se é para escolher, quero o melhor!

Conseguir já é outra história, pode demandar muito esforço... Mas é certo que se contentando com o mediano, não se busca progredir, seja na vida profissional, afetiva, etc.

"Os meus gostos são muito simples: prefiro o melhor de tudo" Oscar Wilde

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

A Frescura - Fernando Pessoa.

Ah a frescura na face de não cumprir um dever!
Faltar é positivamente estar no campo!
Que refúgio o não se poder ter confiança em nós!
Respiro melhor agora que passaram as horas dos encontros,
Faltei a todos, com uma deliberação do desleixo,
Fiquei esperando a vontade de ir para lá, que'eu saberia que não vinha.
Sou livre, contra a sociedade organizada e vestida.
Estou nu, e mergulho na água da minha imaginação.
E tarde para eu estar em qualquer dos dois pontos onde estaria à mesma hora,
Deliberadamente à mesma hora...
Está bem, ficarei aqui sonhando versos e sorrindo em itálico.
É tão engraçada esta parte assistente da vida!
Até não consigo acender o cigarro seguinte... Se é um gesto,
Fique com os outros, que me esperam, no desencontro que é a vida.
(Álvaro de Campos - heterônimo de Fernando Pessoa)

terça-feira, 15 de junho de 2010

Carta. Há quanto tempo não escreves uma?

Onde andará a magia das cartas? Há quanto tempo você não capricha na letra e põe no papel gostas do seu perfume perfume preferido...?

São os e-mails, torpedos, scraps e afins, os meios usados para expressar em palavras escritas o que vai na mente ou no coração... Mas nenhum desses se comparam a emoção de abrir um envelope... Emoção essa que muitos dos mais jovens sequer tiveram oportunidade de experimentar.

A Carta
Legião Urbana
Composição: Benil Santos / Raul Sampaio

Escrevo-te estas mal traçadas linhas meu amor
Porque veio a saudade visitar meu coração
Espero que desculpes os meus erros por favor
Nas frases desta carta que é uma prova de afeição.

Talvez tu não a leias mas quem sabe até darás
Resposta imediata me chamando de "Meu Bem"
Porém o que me importa é confessar-te uma vez mais
Não sei amar na vida mais ninguém.

Tanto tempo faz, que li no teu olhar
A vida cor-de-rosa que eu sonhava
E guardo a impressão de que já vi passar
Um ano sem te ver, um ano sem te amar.

Ao me apaixonar por ti não reparei
Que tu tivesses só entusiasmo
E para terminar, amor assinarei
Do sempre, sempre teu...

Tanto tempo faz, que li no teu olhar
A vida cor-de-rosa que eu sonhava
E guardo a impressão de que já vi passar
Um ano sem te ver, um ano sem te amar.

Ao me apaixonar por ti não reparei
Que tu tivesses só entusiasmo
E para terminar, amor assinarei
Do sempre, sempre teu...

Escrevo-te estas mal traçadas linhas
Porque veio a saudade visitar meu coração.

Escrevo-te estas mal traçadas linhas
Porque veio a saudade visitar meu coração.

Escrevo-te estas mal traçadas linhas
Espero que desculpes os meus erros por favor
Meu amor, meu amor...

domingo, 31 de janeiro de 2010

Há de se buscar um amante - Procura-se um Amante.

Até se pode viver sem paixão, mas convenhamos que com paixão tudo fica muuuito melhor e o sol brilha com mais intensidade.

Há uma música que diz "Com amor a gente vai pra festa/ se arruma bem pra viver
                                        Sem amor, a gente se  detesta/ não presta nem pra  se  esconder..." (P.O. BOX)

Procura-se um Amante

Muitas pessoas têm um amante e outras gostariam de ter um.

Há também as que não têm, e as que tinham e perderam.

Geralmente são essas últimas as que vêem ao meu consultório para me contar que estão tristes ou que apresentam sintomas típicos de insônia, apatia, pessimismo, crises de choro ou as mais diversas dores.

Elas me contam que suas vidas transcorrem de forma monótona e sem perspectivas, que trabalham apenas para sobreviver e que não sabem como ocupar seu tempo livre.

Enfim, são várias as maneiras que elas encontram para dizer que estão simplesmente perdendo a esperança.

Antes de me contarem tudo isto, elas já haviam visitado outros consultórios, onde receberam as condolências de um diagnóstico firme:

"Depressão", além da inevitável receita do anti-depressivo do momento.

Assim, após escutá-las atentamente, eu lhes digo que elas não precisam de nenhum anti-depressivo; digo-lhes que elas precisam de um AMANTE!

É impressionante ver a expressão dos olhos delas ao receberem meu conselho.

Há as que pensam:

"Como é possível que um profissional se atreva a sugerir uma coisa dessas?!

"Há também as que, chocadas e escandalizadas, se despedem e não voltam nunca mais.

Àquelas, porém, que decidem ficar e não fogem horrorizadas, eu explico o seguinte:

AMANTE é "aquilo que nos apaixona".

É o que toma conta do nosso pensamento antes de pegarmos no sono e é também aquilo que, às vezes, nos impede de dormir.

O nosso AMANTE é aquilo que nos mantém distraídos em relação ao que acontece à nossa volta.

É o que nos mostra o sentido e a motivação da vida.

Às vezes encontramos o nosso amante em nosso parceiro, outras, em alguém que não é nosso parceiro, mas que nos desperta as maiores paixões e sensações incríveis.

Também podemos encontrá-lo na pesquisa científica ou na literatura, na música, na política, no esporte, no trabalho, na necessidade de transcender espiritualmente, na boa mesa, no estudo ou no prazer obsessivo do passatempo predileto...

Enfim, é "alguém" ou "algo" que nos faz "namorar" a vida e nos afasta do triste destino de "ir levando".

E o que é "ir levando"? Ir levando é ter medo de viver.

É o vigiar a forma como os outros vivem, é o se deixar dominar pela pressão, perambular por consultórios médicos, tomar remédios multicoloridos, afastar-se do que é gratificante, observar decepcionado cada ruga nova que o espelho mostra, é se aborrecer com o calor ou com o frio, com a umidade, com o sol ou com a chuva.

Ir levando é adiar a possibilidade de desfrutar o hoje, fingindo se contentar com a incerta e frágil ilusão de que talvez possamos realizar algo amanhã. Por favor, não se contente com "ir levando"; procure um amante, seja também um amante e um protagonista da SUA VIDA...

Acredite: o trágico não é morrer; afinal a morte tem boa memória e nunca se esqueceu de ninguém.

O trágico é desistir de viver; por isso, e sem mais delongas, procure um amante .

A psicologia, após estudar muito sobre o tema, descobriu algo transcendental: "PARA SE ESTAR SATISFEITO, ATIVO E SENTIR-SE JOVEM E FELIZ, É PRECISO NAMORAR A VIDA."
(Dr. Jorge Bucay - tradução do original "Hay que buscarse um Amante")

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

O amor...

Desde sempre o homem procura uma definição para o que seja o amor... Mas será que essa definição existe?



O amor é a ilusão de que alguém é especial, diferente de todas as outras pessoas no mundo, e dura exatamente o tempo que durar essa ilusão.

“Encontrei o amor. Ele não é real, mas que se há de fazer? A gente não pode ter tudo na vida...” Cecília/Mia Farrow em Rosa púrpura do Cairo

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Só um abraço...

Em certos momentos, um abraço diz  mais do que se poderia  falar com quaisquer  palavras.


Related Posts with Thumbnails
"Quiseste expor teu coração a nu. E assim, ouvi-lhe todo o amor alheio. Ah, pobre amigo, nunca saibas tu Como é ridículo o amor... alheio!" Mário Quintana

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO